Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Simplesmente Manuela

Simplesmente Manuela

O que aconteceria se a Terra parasse de girar?

As questões hipotéticas são sempre muito divertidas na ciência porque nos fazem pensar sobre o que sabemos em uma luz diferente, o que pode nos fazer entender melhor a enorme escala do nosso planeta. Então, vamos parar a Terra de girar e ver o que acontece.

Primeiro de tudo, vamos imaginar que a rotação pare em um segundo. No equador, é como estar em um carro que estava se movendo a 1.670 quilômetros por hora e no instante seguinte o carro parar instantaneamente. Se você estiver em um prédio, será jogado na parede mais próxima ao leste e experimentará 47 vezes a aceleração gravitacional de nosso planeta. Se isso não matar você, tudo o mais irá.

A Terra pode estar parada, mas todo o resto continuará a se mover exatamente na mesma velocidade em que a Terra estava girando antes. Isso inclui a atmosfera e todos os oceanos. Os ventos sozinhos seriam quatro vezes mais rápidos e mais fortes do que o vento mais rápido já registrado (408 km/h). E então você experimentará uma enorme onda de tsunami, que destruirá qualquer coisa que os ventos não tiverem destruído (o que pode não ser muito).

A extensão do dano será obviamente mais devastadora se você estiver perto do equador, mas a longo prazo, estar perto dos pólos também não o salvará. Sem a rotação, os oceanos migrarão para os pólos – onde a gravidade é mais forte – criando, respectivamente, terremotos devastadores, um megacontinente muito grande ao longo do equador e dois oceanos separados.

Os oceanos mudariam para os pólos se a Terra parasse de girar. Witold Fraczek / Esri

De acordo com Witold Fraczek, da empresa de mapeamento e análise Esri, o oceano norte deixaria a maior parte da Europa e da Rússia debaixo d’água. A Groenlândia e todo o Canadá ficariam submersos, assim como parte dos Estados Unidos. No hemisfério sul, o oceano cobriria partes da Argentina, Chile e Nova Zelândia, assim como todo o continente antártico.

Portanto, se o seu plano de supervilão for retardar a rotação da Terra, o melhor lugar para se estar é no Pólo Norte, em uma base móvel flutuante bem equipada. A localização certamente seria uma vantagem. A Terra experimentaria um “dia” todos os anos, então, circulando, seria possível simular um ciclo regular de dia / noite. Mas nada seria muito animado a longo prazo. Uma Terra não rotativa não teria um campo magnético, já que o núcleo líquido do nosso planeta também ficaria estacionário. Sem o campo magnético, as poucas criaturas vivas que poderiam ter sobrevivido a tais mudanças cataclísmicas acabariam sucumbindo à radiação.

Se você tivesse mais tempo, você não teria que se preocupar em realmente desacelerar o planeta, a Terra já está desacelerando por conta própria. No último século, a duração média do dia aumentou 1.7 milissegundos. Nesse ritmo, seriam necessários 18,5 bilhões de anos para a Terra ter um dia tão longo quanto um ano.

 

Hiroshima







Em 6 de agosto de 1945,as 8h,15m
a cidade japonesa de Hiroshima
é destruída pela primeira bomba atómica
detonada como arma de guerra.
A bomba foi lançada de um avião americano
modelo B-29, batizado de "Enola Gay".
A bomba “Little Boy” com 60 kg de urânio ,
detonou a 576 metros de altura levando 43 segundos
para cair e iniciar a reacção em cadeia
que matou instantaneamente mais de 80.000 pessoas
nas primeiras horas do lançamento, chegando
a mais de 300 mil pessoas incineradas pelo calor,
ou morrendo aos poucos com os efeitos da radiação.


Imaginem nos dias de hoje existe numa só bomba o poder de mil igual a estas

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais visitados

    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D